Marketing Digital

Como o design thinking pode ajudar sua empresa?

23 de Maio de 2019

 

O design thinking tem sido muito falado quando o assunto é inovar no mundo dos negócios. Contudo, existe uma dificuldade em aplicar essa abordagem nas empresas. Isso porque, nem todas as pessoas compreendem fundamentalmente o que é o design thinking ou como ele funciona. Pensando nisso, trouxemos uma breve explicação que vai ajudar você a entender e utilizar essa ferramenta na sua empresa.

 

O que é Design Thinking?

O Design thinking é uma forma de pensar dos designers que foi trazida para o mundo dos negócios. Ele ajuda a enxergar o negócio de uma maneira mais visual, tornando mais fácil e rápida a solução de problemas ou criação de novas estratégias. 

Design thinking é uma abordagem, um modo de pensar e não uma metodologia. Isso porque, não existem tutoriais ou conjunto de regras para utilizá-lo, visto que cada situação tem suas particularidades. Ou seja, ele pode ser utilizado de diferentes maneiras e adaptado à realidade de cada empresa. A principal finalidade é colocar o “pensamento do design”,  junto com as questões empresariais, para observar o usuário. Isso acontece, pois a eficiência das estratégias está ligada à experiência do usuário. Afinal, é essa experiência que irá validar e dizer se algo é bom, ruim, ou que pode ser melhorado.

Para ser um designer thinking não precisa ser formado ou trabalhar com design, basta adquirir a sensibilidade, visão crítica e criativa dos designers, vendo sempre os problemas como oportunidades, e pontuando diversas soluções. Basicamente o design thinking faz com que as empresas se coloquem no lugar dos usuários para projetar coisas que solucionem um problema e ainda sejam viáveis à empresa.

 

Como o design thinking pode ajudar as empresas?

No início, essa abordagem era utilizada apenas para desenvolver produtos. Porém, com os resultados positivos percebeu-se que era possível utilizar tal abordagem para outras coisas, como:

  • Encontrar soluções inovadoras para os problemas internos de empresas
  • Encontrar soluções inovadoras para os problemas dos clientes
  • Entender as necessidades e desejos dos clientes
  • Criar novos produtos e serviços de valor
  • Desenvolver novas ferramentas
  • Criar novas marcas
  • Mudar o posicionamento de marca
  • Reestruturar os processos de trabalho de um empresa
  • Sim, você pode usar o design thinking para quase tudo.

 

Mas se não existe passo a passo, como vou aplicá-lo à minha empresa?

Lembre-se, design thinking deve ser colaborativo, e para isso você deve reunir todas as pessoas interessadas ou envolvidas com o problema a ser resolvido. Se você está criando um produto, por exemplo, reúna representantes de todos os setores envolvidos na produção, bem como, equipe de marketing e diretores. Assim, todos poderão contribuir e analisar as necessidades dos usuários em relação a tal produto.

 

  • Clareza do problema

Para começar é preciso entender o que realmente é o problema. Embora pareça claro, muitas empresas acabam tomando uma decisão equivocada e não viável, por não entenderem qual o real problema a ser resolvido. Aqui está a importância do design thinking ser algo colaborativo. Várias pessoas podem dar a sua opinião sobre o problema, ver o que cada um entende sobre ele, dando mais clareza à toda a equipe.

  • Empatia – Imersão

É importante criar empatia por quem sofre com o problema. Observar como e porque tal situação é considerada um problema para o usuário.

  • Proposição de ideias

Com os conhecimentos nivelados, é hora de sugerir o máximo de soluções possíveis. Quando se encontra uma “solução” na primeira ideia, as chances de não ser uma solução eficiente são grandes. Por isso, ouvir diversas proposições de ideias e a partir delas criar novas, é muito importante para uma ideia eficaz. 

  • Prototipação – materialização

A prototipação é a parte de colocar a mão na massa. Após definir qual a melhor ideia é sua equipe dará início produção dessa solução.

  • Teste

No design thinking nada é por acaso e nada é lançado sem testar. O teste é importantíssimo para conferir se vale a pena investir em tal ideia.

  • Implementação

O teste apresentou um bom resultado? Precisa ser feito algum tipo de alteração? Se estiver tudo nos conformes, agora sim: é hora de implementar sua ideia.

 

Ainda não está claro como aplicar o design thinking?

Para facilitar, vamos usar um exemplo aqui da K13. Para fazer o planejamento de conteúdos do blog, separamos os temas que as pessoas mais acessam, os que elas menos gostam, os que nossos clientes querem ouvir e também como esses conteúdos são viáveis e estão relacionados com a empresa. Depois, fazemos uma votação para decidir os conteúdos mais relevantes para nossos usuários. Em seguida, testamos a ideia com pequenos posts sobre o tema, e se tiverem um bom resultado, damos sequência ao assunto no blog ou nas redes sociais.

Viu só? O design thinking pode ser usado para solucionar problemas de todos os tamanhos. Além disso, instiga a criatividade e colaborativismo na sua equipe, fatores esses que estão presentes nas empresas mais inovadoras.

Gostou desse artigo? Tem alguma dúvida ou sugestão? Envie pra gente! Não deixe de conferir nossos serviços de Marketing Digital, Criação de Site e E-commerce. Entre em contato e veja o que a K13 pode fazer pela sua empresa.

 

Comentários

Quer conhecer mais a respeito de marketing digital? Baixe nosso ebook gratuito

Converse pelo Whatsapp

Entraremos em contato assim que possível.