Criação de sites responsivos e gerenciáveis | K13 Agência Web

E-commerce

Tenho medo de vender pela internet! – Como começar a vender online?

18 de junho de 2021

O comércio eletrônico não para de crescer no Brasil e no mundo. Afinal, com todas as adversidades que o empreendedor enfrenta, as lojas online são uma possibilidade de manter a empresa vendendo. 

 

Contudo, apesar de todos os benefícios de vender online, muitos empresários ainda têm receio de abrir uma loja virtual. 

 

Você está pensando em vender pela internet, mas ainda tem medo? Vamos te ajudar a superar isso de vez. E tirar suas dúvidas sobre como começar a vender online. Assim, você pode expandir sua empresa, melhorar seus lucros e atingir clientes em qualquer lugar do país!

 

Vamos te explicar quais os trâmites legais para venda online. Ainda, como escolher fornecedores de produtos e também para criação do seu site, as melhores plataformas de pagamento e envio. Além de dicas para que suas vendas não parem de crescer. 

 

Continue a leitura e descubra isso e muito mais!

 

Entenda os trâmites legais para começar a vender online

 

Você sabia que há uma lei específica que regulamenta as vendas online? É a Lei do E-commerce. No primeiro artigo, a Lei já resume em três pontos principais o que é necessário para o comércio eletrônico: informações claras ao consumidor, atendimento facilitado e respeito ao direito de arrependimento. 

 

Esse último ponto garante que, até 7 dias após o recebimento do produto, o consumidor tem o direito de trocá-lo sem precisar pagar nada pela mercadoria. 

 

Conhecer os trâmites legais ajuda a pensar na logística da sua loja online. É importante ressaltar que a Lei estabelece que o produto deve estar descrito com detalhes. Além disso, ofertas devem ter suas regras claras. Outra definição da Lei é de que, qualquer valor a mais no produto, também deve estar descrito no anúncio. 

 

Escolha bons fornecedores

 

Se você já tem uma loja física, essa parte fica ainda mais fácil. Afinal, você só precisa preparar um estoque para sua loja virtual com aquilo que já vende. 

 

Mas, se você está pensando em abrir sua empresa diretamente no mundo digital, escolha fornecedores de produtos de qualidade e confiáveis. Crie um estoque razoável, com base no seu plano de negócios. 

 

Delimite a quantidade em seu site, para não correr riscos de alguém comprar e você não ter o produto para entrega. Assim, teria que cancelar a compra e seu cliente talvez não volte a comprar.

 

Além disso, você deve barganhar por preços menores. Sem deixar de lado a qualidade. Assim, você poderá oferecer bons preços e até mesmo promoções aos seus clientes. Isso ajudará você a se destacar entre seus concorrentes.

 

Segurança e hospedagem

 

E não é só entre os fornecedores de produtos que você deve pesquisar cuidadosamente. Pesquise, também, um bom fornecedor para criar sua loja virtual.

 

Existem inúmeras empresas que prometem entregar sites de vendas gratuitos. Porém, esses serviços não demonstram profissionalismo ao seu site. Seu domínio não será personalizado, o que poderá deixar seus clientes inseguros. 

 

Além disso, esses serviços podem não se adequar a sua necessidade. Já que não é possível personalizar nada em um site gratuito. Quando suas vendas começarem a crescer, um site gratuito pode não dar conta de cadastrar tantos produtos e receber tantas visitas quanto a demanda. 

 

Por isso, encontrar uma empresa que faça um site de vendas para sua loja não é um gasto, mas um investimento! Você pode encontrar opções de loja virtual que, com pouco investimento.  Assim, pode ter um serviço de maior qualidade que um site gratuito.

 

Ao escolher quem irá fazer seu site, entenda quais são os benefícios que essa empresa irá proporcionar. 

 

Eles sabem quais integrações de pagamento e frete são as melhores? Como a empresa te ajudará depois do seu site pronto? O site será fácil de usar para você e seus colaboradores cadastrarem os produtos e acompanhar as vendas? Ainda, para os potenciais clientes, como é a usabilidade?

 

Além dessas perguntas, é fundamental que seu site tenha certificado SSL. Assim, a segurança dos seus clientes e do seu site estarão garantidas. 

 

Uma hospedagem de qualidade para o seu site também é essencial. Afinal, você não quer ter um site bonito, moderno, com todos os seus produtos cadastrados, mas que vive fora do ar, não é mesmo?

 

Por isso, essa etapa exige pesquisa. Sinta confiança na equipe que você está contratando para cuidar do seu site. Busque uma empresa com experiência de mercado. Confira o portfólio dela. Assim, você pode ver como são os sites que ela já entregou. 

 

Então, você tem a segurança de estar investindo seu dinheiro em algo de qualidade. E que poderá trazer inúmeros retornos para sua empresa. 

 

Frete e pagamento

 

Uma das maiores dúvidas sobre como começar a vender online é como os clientes irão fazer o pagamento e como escolher empresas para a entrega dos produtos.

 

Depois de entender quais são os trâmites legais para uma loja online e escolher uma boa empresa para criar seu site, você deve escolher as formas de entrega e pagamento para seu site. 

 

Procure entender quais são os melhores em questões de segurança e custo-benefício para sua empresa. Cada uma dessas empresas possui taxas, assim como as máquinas de cartão de crédito físicas. Pesquise antes de contratar! Se você já usa alguma máquina de cartão em sua loja física, fica ainda mais simples, pois você já conhece como ela opera. 

 

Se você ainda tiver dúvidas, converse com a empresa que está desenvolvendo seu site. Ela poderá te auxiliar nesse momento.

 

Aqui na K13 Agência Web oferecemos integrações para diversos modos de frete, de acordo com aquilo que se encaixar na necessidade do cliente:

 

– Módulo de Frete Grátis.

– Correios.

– Transportadora Jadlog.

– Transportadora Braspress.

– Retirada no Local.

– Logística própria com tabela de preço por bairro com restrições de CEP.

– Logística própria com valor fixo para cidades da região.

 

Bem como vários módulos de pagamento:

 

– Cobrança por cartão de crédito/débito e boleto via Checkout Cielo ou Rede ou Iframe Getnet ou PagSeguro.

– Boleto bancário automatizado via Paghiper.

– PIX (com envio do comprovante manualmente).

– Pagamento na entrega, com opções de máquina de cartão ou dinheiro, calculando o troco.

 

A equipe de vendas

 

Assim como uma loja física precisa de vendedores, a loja online também precisa de uma equipe para ajudá-lo.

 

Ela pode ser pequena e começar com uma pessoa que possa verificar e responder às dúvidas dos clientes, seja nas redes sociais, no site ou pelo e-mail. Também, que possam ajudá-lo a tirar fotos dos produtos, cadastrá-los no site e prepará-los para o envio. 

 

Além disso, é ideal ter alguém na sua equipe que entenda de Marketing Digital. Se isso não for possível, considere terceirizar essa parte para o seu negócio online. As agências estão preparadas para otimizar seu site para o Google.Além de auxiliar nos anúncios do Google

 

O sucesso de uma loja online está intimamente ligado ao marketing digital. Otimize seu site para os mecanismos de busca, invista em anúncios no Google. E ainda, mantenha uma boa presença nas redes sociais e por e-mail.

 

Mantenha contato com seu público

 

Uma das especificidades do online é a falta de contato direto entre seu público e você. Por isso, é imprescindível que você esteja em contato com ele. 

 

Disponibiliza chat no seu site, com uma equipe preparada para respondê-lo o mais rápido possível. Da mesma forma, faça isso nas redes sociais. Mantenha um calendário assíduo de publicações nas redes, também. Ofereça um ou mais telefones de contato para que o cliente possa te encontrar.

 

Além disso, uma das formas de manter contato com seu público é através do e-mail. Ofereça formas de ele deixar seu e-mail para que você possa enviar promoções exclusivas, por exemplo. 

 

Não esqueça, também, do pós-venda. A opinião dos clientes gera confiança na sua loja online. Se seus clientes não estão acostumados a deixar a opinião após a compra, ofereça pequenas recompensas, como cupons de desconto, para aqueles que opinarem. Além disso, enviando e-mails após a venda, é possível que seu cliente retorne a comprar em uma próxima necessidade.

 

Vendas multicanais

 

Ao entender quem é seu público, estude-o e entenda em que canais ele está. Eles costumam visitar redes sociais? Faça a integração com seu Facebook e Instagram para vender online.

 

Eles usam Marketplaces? Esteja lá também. A maioria deles cobra um percentual sobre suas vendas, mas se é ali que seu público costuma comprar mais, esteja presente também! São exemplos de Marketplaces sites como Mercado Livre, Americanas, Submarino e outros. 

 

Tudo isso irá ajudá-lo a ter sucesso com sua loja virtual e que suas vendas não parem de crescer!

 

Mas a dica mais importante é a que vem a seguir!

 

Entregue serviços e produtos de qualidade!

 

De nada adianta investir em propagandas na televisão, rádio, redes sociais, Google, e-mail ou qualquer outro lugar, se você não entregar um site fácil de usar e produtos de qualidade.

 

Por isso, esse é o maior segredo para começar a vender online: preparação e qualidade! Seguindo esses passos, entregando um bom produto e uma navegação facilitada, seu site de vendas será um sucesso!

Conte com a K13 Agência Web para começar a vender online. Entre em contato conosco e veja como podemos ajudá-lo a expandir seu negócio para o ambiente digital.

Comentários

Uso de cookies

Guardamos estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossa política de privacidade.

Converse pelo Whatsapp

Entraremos em contato assim que possível.